O Poder do Elogio

April 18, 2018

 

Há algum tempo atrás li um artigo do Stephan Kanitz na revista Veja, onde ele afirmava que "todo mundo é inseguro, sem exceção". Segundo aquele artigo, até mesmo os que se acham super-confiantes são, na verdade, inseguros. Apenas disfarçam melhor.

 

Todos temos um pouco de medo de errar ou de não sermos bem aceitos por aquilo que fazemos, pensamos ou somos. Grandes artistas confessam que tremem antes de entrar em cena a cada dia, mesmo após um ano com o espetáculo em cartaz. Precisam do primeiro aplauso ou do primeiro riso para se sentirem mais confiantes e se desenvolverem melhor.

Vamos dizer de outro modo: as pessoas precisam se sentir úteis, importantes e relevantes no contexto de sua vida. Elogios têm esse poder!

Lembro de certa vez em que eu estava com minha filha mais velha em casa. Ela estava um pouco triste naquele dia, devido a um insípido insucesso em uma prova na escola, que se agravou por uma desavença com uma coleguinha de classe.

Observei que ela estava ao canto da sala tentando desenhar e pintar alguma coisa. Parecia um navio, já nem me lembro bem ao certo. Ela virou-se para mim, mostrando sua arte contemporânea e perguntou, com um ar de expectativa: "pai, o que acha do meu desenho?". Tive apenas alguns micro-segundos para refletir sobre toda a situação, olhar em seus olhos e responder "puxa filha, que lindo! (e estava muito bonito mesmo). Está cada vez melhor nos desenhos hein? Parabéns. Você pode fazer outro parecido com este, só que azul para eu levar para o escritório?".

Parecia um passe de mágica. A menina saiu da poltrona ao lado e correu a empenhar-se em sua mais nova obra. Seu ânimo mudou, seu brilho voltou e sua auto-estima já era outra, como sempre fora. Um elogio. Apenas isso. Palavras que transformam pessoas.

Tenho refletido e pesquisado sobre relacionamentos humanos há algum tempo e ficado fascinado com a complexidade do homem e, ao mesmo tempo, com a simplicidade da vida feliz. Relacionamentos saudáveis podem ser vividos mais facilmente em um ambiente cheio de amor, de respeito e consequentemente de elogios. Diga não às críticas. Elas destróem. Elogios constróem.

Certa vez fui fazer um curso de comunicação. O professor logo no primeiro dia avisou (e depois confirmou suas palavras através da prática) dizendo que não iria criticar absolutamente ninguém nas aulas, mas que iria reforçar e apontar o que estava certo. Funcionou de um modo impressionante. Não apenas comigo, mas com o Diogo, um jovem cuja timidez era, eu diria... patológica.

Um elogio bem colocado, não falso, pode servir de motivação muito mais do que um aumento no salário.

Certa vez, desafiei uma clínica, para a qual estava desenvolvendo um projeto de marketing, que estava à beira do caos, e cujo diretor xingava frequentemente suas funcionárias por sua "incompetência". Desafiei-o a passar 3 meses reconhecendo e recompensando os acertos de sua equipe, não apontando ou punindo nenhum de seus incontáveis erros. Afirmei que muito de seus problemas se resolveriam desta forma.

O resultado, antes mesmo do tempo desafiado, foi uma completa transformação no clima da organização, no ambiente de trabalho, nos resultados práticos e até financeiros. Nem ele mesmo pareceu acreditar. Mágica?! Não. Valorização.

O elogio honesto e dito na hora certa nos possibilita despertar e exortar o melhor em nossos funcionários e até família. Espanta a insegurança e alimenta a auto-estima.

Estou convencido de que o hábito de elogiar com sinceridade é um valioso atributo para um profissional bem sucedido. Como poucos o utilizam, isso pode até lhe servir como um enorme diferencial.

Mas, veja bem. Não estou sugerindo que você deve sair por ai elogiando tudo em todos, automática e falsamente. Isso seria inoportuno e, provavelmente, produziria efeitos contrários.

Preste a atenção no que as pessoas fazem e elogie seus esforços. Vou dar algumas dicas de como elogiar.

De um modo mais objetivo e direto, pode ser assim "Pedrita, gostei muito da forma como lidou com aquele cliente que chegou irritado na sala de espera. Parabéns, você mostrou que tem muita paciência e profissionalismo". Pronto. É um elogio sincero e direto que irá alimentar nela um espírito mais confiante.

De um modo indireto, pode elogiar através de um "recado" transmitido por terceiros. Exemplo: "o diretor falou que adorou sua idéia. A partir do próximo mês todas as faturas serão processadas deste jeito. Você tá com a bola toda hein?!". Outra possibilidade de elogio indireto é dizer para alguém uma mensagem que quer que a outra receba. Exemplo: "Carla, sabe que estou muito feliz com o trabalho que a Fabíola fez na recepção. Não ficou maravilhoso?" A Fabíola vai ficar sabendo. Isso funciona, mas prefira falar diretamente para a pessoa.

Há ainda outras formas de elogiar: Uma dela é o reconhecimento através de um prêmio por uma meta alcançada ou por um serviço realizado. Um certificado na parede, uma menção em seu site, etc podem ter efeitos fantásticos na auto-estima de sua equipe.

Através do elogio, você reforça os pontos positivos da pessoa e lhe dá mais valor.

Quem já recebeu elogios sabe o poder que estas palavras têm quando estas chegam num momento de aperto, insegurança ou desânimo.

E você está esperando o que? Saia desta cadeira e vá construir algo novo e melhor. Você pode. Você sabe. Você quer.

Até a próxima.

 

 

 

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Posts Em Destaque

Aumentando Sua Receita

April 18, 2018

1/2
Please reload

Posts Recentes
Please reload

Arquivo
Please reload

Procurar por tags
Siga
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square

© 2020 por GRUPO TOMAZ.